Olho Preguiçoso

26 de nov de 2011

Comidinhas

Quando o pediatra do Bruno liberou a introdução de sopinha eu comecei a imaginar, será que ele vai gostar?

O doutor disse: mãezinha, a sopa do Bruno tem que ser feita sem exageros no tempero,  mas também não pode ser uma sopa que se sobrar você não tem nem coragem de comer o restinho. Muitas vezes a mãe me diz que o filho gosta de comer a sopa, mas quer comer a comida que todos comem na mesa.Isto ocorre porque a sopinha tá muito ruim!!!! rs. Este doutor é uma comédia!
Assim eu sempre pensei e fiz por quase um ano a sopinha do Bruno que em modestia parte sempre foi muito suave e gostosinha.
Quando ele estava com 11 meses estavamos em um almoço de amigos e o Bruno começou a comer arroz, feijão, verduras do meu prato. Que mãe boba, fazendo sopinha e meu bebezinho já era um rapazinho. Sopa desde então só quando está doentinho ou dias muito frios.

Sopa de criança não podem ser batidas no liquidificador, apenas peneiradas e quando a criança vai desenvolvendo os dentinhos já devemos só amassar um pouquinho.

Eu é que sempre achava que ele ia engasgar se não fosse sopa ( mãe de primeira viagem). Então eu sempre fazia a comida normalmente, mas sempre fazia alguma coisa que tivesse um caldinho pra comida ficar molhadinha.

Cresceu mais e agora a missão era comer de tudo e as saladas.
do google


Mães, o segredo é insistir e dar o legume até 20 vezes se for preciso. Ter disciplina também e não permitir comer muito de manhã antes da hora do almoço.
O Bruno sempre pede pra comer, é uma gracinha e pra ele tem que almoçar e jantar.
Estava com birra pra comer alface e eu falo demais na cabeça que se não comer vai ficar doente e não vai crescer. Como ele quer ficar do tamanho do papai ( e eu acho que maior), ele come de tudo, menos jiló.
Esta semana ele colocou tanta salada no prato que fiquei boba e muito feliz também.